18/07/2015

Resenha: Fazendo Meu Filme 1: A estreia de Fani - Paula Pimenta

Saga: Fazendo Meu Filme
Ano de lançamento: 2008
ISBN: 9788582350751
Páginas: 355
Editora: Gutenberg
Nota: ★★★★★(♥)

Fazia tempo que ouvia as pessoas elogiando a Paula Pimenta e falarem que é uma das melhores escritoras brasileiras. A minha primeira experiência com a escrita da Paula foi com Princesa Adormecida, que não foi muito boa, mas tinha gostado. Esse livro foi surpreendente, superou todas as minhas expectativas e deixou com vontade de ler tudo que foi escrito da Paula, até a lista de compras.

A serie é sobre o cotidiano de Estefânia ou Fani, como prefere ser chamada. Uma adolescente mineira comum de dezesseis anos, sonhadora, cheia de amigos maravilhosos e obsecada por filmes. Mas a vida de Fani da uma vira volto, quando surge um chance para fazer intercâmbio no exterior. Enquanto seu pais acham que é uma grande oportunidade para sua vida, Fani fica com medo de larga seu amigos e o amor para viver em outro pais.

"Tá, eu não sou antissocial, nem tenho nenhum destes desvios comportamentais de que a Veja vive falando, mas tem hora que sair cansa, né? Enche o saco essa coisa toda de ter que colocar roupa (tomando cuidado de não repetir a mesma por, pelo menos três semanas), maquiagem, pedir dinheiro para o pai, ouvir sermão sobre os perigos existentes no mundo atual, encontrar as mesmas pessoas que eu vejo todos os dias, ter que ficar fazendo carinha boa pra não ter que aturar a todo minuto alguém vindo perguntar o motivo da minha braveza... Ufa. Prefiro sinceramente ficar no meu quarto, meu castelinho encantado, com meus livros, DVDs, computador..." (pagina 16)
Vou falar a real... Adorei o livro e adorar é pouco para descrever meus sentimentos a esse livro. É muito fofo e verdadeiro, até parece que sou um amigo da Fani e ela está me contando tudo por um e-mail. E até eu que sou menino, se identificou com a Fani (acho que não fui o único), acho que são muito poucos meninos leram, pela capa ser rosa e tudo mais, mais eu fui ler tipo, "foda-se to lendo mesmo!" e acabou sendo um livro muito marcante.

Os começos de cada capitulo começa com uma sitação de algum filme preferido da Fani, uma jogada de mestre da autora, faz a gente se aproximar mais com a personagem, ela faz varias recomendações e da nota para ele durante a leitura. Por exemplo, tinha uma frase do meu filme preferido da vida, O Fabuloso Destino de Amelie Poulain. Além de filmes, fala um pouco de musica como The Police, Tribalistas e muito mais.

Paula pimenta está de parabéns, entendo o sucesso todo de seus livros. Porque a mulher tem talento, sua narrativa escrita é leve e gostosa, você lé e nem percebe que o tempo passou. Todos os personagens são cativantes e marcantes, muito bem construídos. Um livro que retrata perfeitamente a adolescencia, com a ingenuidade e a modernidade, perfeito para qualquer idade ou sexo.


Siga o Menino Lit e fique ligado

Um comentário:

  1. Ooi, Arthur! :)

    Admiro muito o trabalho da Paula e FMF já está na lista ♥
    Bem no topo, aliás haha


    Abraços,
    Tia War
    http://voceetaolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir